domingo, 8 de novembro de 2009

Questão de educação

No dia 22 de outubro a estudante de Turismo Geisy Villa Nova Arruda teve de sair da Universidade UNIBAN em São Jose dos Campos escoltada pela Polícia Militar do prédio da sua faculdade devido às agressões verbais que estava recebendo dos colegas pelo vestido que usava.

O tamanho vestido era pequeno?Pode ser.Merecia esse tratamento?Na minha opinião NÃO!Se ela é gorda, gostosa, exibicionista, nada jusitifica que os seus colegas a tratassem da maneira que trataram.Se eu fosse machista de carteirinha iria até duvidar da masculinidade dos alunos homens que vaiam uma loira de vestido curto mostrando seus melhores (?) atributos.Se fosse no meu tempo eu e meus amigos estariamos fazendo um abaixo-assinado para que ela viesse todos os dias de minisaia.É a geração internet.

Mas o que foi pequeno memso foi o fato da instituição que resolveu expulsar a estudande neste sabado dia 7.E só para relembrar: o episódio ocorreu dentro de uma Universidade que é, em tese, uma reunião de varios universos e diferenças, um lugar de pluridade entre seus integrantes.

Geisy foi humilhada e rechaçada por seus colegas de universidade.Cheguei a ouvir em uma entrevista uma outra aluna achando que as vaias e a falta de respeito eram pertinentes em função do tamanho do vestido.Para quem vê as cenas no Youtube (http://www.youtube.com/watch?v=4jwmnaM03VM&feature=relatede) não imagina do que se trata.Pode-se achar que é uma manifestação contraria a qualquer coisa, menos por causa de um vestido.Até a omissa UNE (que já foi de mais respeito) fará uma manifestação contraria à expulsão da aluna.

Resta-me só refletir sobre essa Universidade que expulsa a vítima e proteje agressores.É esse o papel de uma instituição de ensino?Uma instituição intolerante, equivocada e reacionária.Que alunos ela está formando para o mercado e para o mundo?

Imagine se a Geisy chingasse o reitor?

E mais uma vez eu posto uma mensagem com o tema "Educação", que é isso que o Brasil, e que a UNIBAN precisa muito mais.





Um comentário:

  1. A Idade Média está de volta? As fogueiras voltarão a acender?

    ResponderExcluir